Como Comprar ?

Por que será que é quando tenho tempo livre que surgem as idéias mais fantásticas da minha vida? Em apenas uma semana eu decidi vários destinos de viagem, descobri que preciso fazer diversos cursos e atividades físicas, fiz um planejamento profissional incrível, criei uma lista de livros que quero ler o mais rápido possível – e comprar, e ainda por cima fui ao shopping e descobri mais algumas coisas que “preciso ter para ser feliz”.

Uma vez uma amiga falou uma frase perto de mim, ao ver uma coisa que ela queria comprar, e eu nunca mais consegui achar nada que chagasse perto de expressar tão profunda e perfeitamente os meus desejos: “PRECISO DISSO PARA SER FELIZ AGOOOOORA !!!”

Pois é, o problema não é querer, muito menos querer com pressa, o problema é não ter como comprar, pelo menos agora.

Então, respondendo a pergunta que fiz no começo do texto, tenho algumas hipóteses:

1 – Tenho idéias fantásticas quando estou livre porque não tenho compromissos profissionais e nada de realmente importante a fazer.

2 – Porque quando estou sendo paga para trabalhar, não tenho tempo de sonhar, pois tudo que faço é trabalhar e depois colocar em prática o que é prioridade.

3 – Porque sou masoquista, já que estou desempregada e tudo que desejo fazer agora depende diretamente daqueles papeizinhos coloridos cheios de desenhos de bichinhos, também conhecido como dinheiro.

Nada contra os masoquistas, mas, pensando bem, sadismo não funciona muito bem comigo, portanto, enquanto eu não consigo um trabalho ou um “freela”, pelo menos, comprar é palavra proibida no meu vocabulário, e não encontrada no meu dicionário. Na verdade, eu nem sei o que é isso. O que? Heim? Comprar? Palavra estranha essa…

Em tempo: colegas fotógrafos e jornalistas de São Paulo, se precisarem do meu currículo, estamos aí. 😉

Roberta Simoni

Anúncios

6 comentários sobre “Como Comprar ?

  1. pois não te sinta uma privilegiada. mesmo trabalhando as coisas que a gente quer são sempre mais caras que o salário, e imagino que mesmo os muito ricos consigam querer alguma coisa que o dinheiro deles não possa comprar (talvez porque certas coisas não estão a venda…)

    por isso relaxa a aproveita o tempo livre pra sonhar. não acho que seja masoquismo, acho que é uma forma de estimular a criatividade. tá tudo bem, pode ser sofrido, concordo.

    e falando em frases: semana passada eu conversando com uma amiga ia dizendo “ah quando tiver uma grana sobrando vou comprar um…” nisso passa meu marido e diz: “grana sobrando: estão aí duas palavras que nunca estão numa mesma frase na nossa vida”. achei muito engraçado, e pior, é triste mas é verdade! 🙂

    beiju querida e bom domingo!
    ps: e desculpe ai o comentário lonnnnngo.

    Curtir

  2. Oiê!

    depois de um domingo “cama, mesa e banho” passei para deixar um beijo e concordar em número, gênero e grau com a questão do tempo livre e idéias. Eu me sinto completamente sufocada e burra quando estou presa demais.

    Gostei demais da sua visita lá no meu canto e eu também já vinha aqui, escondidinha, te visitar! 🙂

    >>PS: se souber de algo dos “coleguinhas” em relação a trabalho, te aviso! 🙂

    Curtir

  3. Eu parei de pautar minha felicidade no que posso ter comprando. Agora pauto minha felicidade no que posso ter conquistando.

    Então, vou conquistar um trabalho e ganhar muito dinheiro pra comprar um carrão e serei feliz com minha conquista e não com minha compra.

    Haja eufemismo.

    Tenho delirado!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s