O que é ser feliz?

Beta na janela de cima...

Eu venho tentando ser feliz. Afinal, não é esse o objetivo final de toda busca?  Todo sonho não é pautado em cima do desejo de uma realização, da expectativa por um final feliz?

Eu não devo ser mesmo muito diferente de toda a humanidade, e lamento por isso. É uma pena me encontrar comum, me aceitar tão igual, e enxergar a minha semelhança naqueles que me cansam, que não me atraem, que não me instigam.

Eu não tento ser diferente, não quero chamar a atenção, e não é sempre que quero ser notada. Quero apenas ser eu, e saber o que é isso. Ser eu. Sem doçura e sem dureza, sem prazer ou frigidez. Apenas sem explicações e sem sentido, sem nada sentir, sem ter que dar sentido a nada, sem decifrar. Apenas entrar em contato, me ver, me ser, me ter. Ser feliz.

Mas essa busca desenfreada pela felicidade como objetivo de vida me causa cegueira, me esgota e me confunde. Afinal, a felicidade plena existe? Eu só posso encontrar a felicidade dentro de mim, como virou clichê dizer? O que é felicidade?

Segundo o dicionário, felicidade significa “estado de quem é feliz”. E o que é um estado senão um “modo de estar”? Se ela é, então, apenas um estado, pode ser mais do que um momento, uma circunstância, um instante ou um sopro? Será que ela é capaz de se transmutar em estado permanente? E se a felicidade for um encontro, uma descoberta, um conhecimento ou reconhecimento? E se for um presente, uma dávida, uma virtude?

Ser feliz é algo concreto, apalpável? É matéria? Ou seria abstrato? Não passa de um rótulo? É criação divina ou humana? É sutil, vago, simples ou complicado? É efêmero? É eterno? É uma sentença? É o começo, ou o fim de tudo?

E o que eu vou fazer depois que eu for feliz? 

Roberta Simoni

Anúncios

6 comentários sobre “O que é ser feliz?

  1. a grande questão de toda humanidade.
    na minha humilde opinião, aceitar que a vida é feita de momentos de felicidade e não uma felicidade eterna já contribui para deixar esse fardo mais leve. senão vira uma obrigação, e vai oprimindo, oprimindo tanto que no fim a gente não se alegra mais com nada.
    tem dias que uma coca gelada num dia de calor me faz a criatura mais feliz do mundo.
    em outros, nem que eu fosse a dona da fábrica de refrigerantes.

    beiju grande

    Curtir

  2. Só conheço uma categoria de felizes integrais: os idiotas.
    É impossível atingir a felicidade plena em tempo integral. E é nisso que reside toda a inteligência da felicidade, que precisa da angústia para ser perceptível, como o escuro precisa da luz para ser sombra.
    Dizem lá que aqueles monges hindus atingem um grau de felicidade plena e eterna com exercícios mentais. Não acredito. Para mim, eles mentem (também) ou não sabem o que é felicidade de verdade. Os viciados em drogas também alegam que podem ser felizes em suas viagens. Outra balela, pois sabe-se que essa “felicidade” se dá apenas de fora pra dentro. E quem vê a Amy Winehouse sabe que aquela criatura não poderia ser verdadeiramente feliz jamais!
    A felicidade é fragmentada e esporádica. Está na companhia passageira do amigo, no sabor da boa comida que só dura enquanto há fome, no êxtase fugaz do gozo, enfim, nas pequeníssimas passagens em que podemos satisfazer um desejo qualquer.
    Felicidade eterna significaria o cessar de todo desejo e de toda satisfação. Logo, ela é impossível.
    Beijos…

    Curtir

  3. Aii… também não sei!
    há tempos escrevi sobre isso no blog e continua sendo uma incógnita pra mim!
    Acho que na verdade essa felicidade ideológica e perfeita não existe… e seremos um tanto melhores quando aprendermos a lidar com a imperfeição das coisas!
    Nuss… que filosófico… aff.
    Beijos =*

    Curtir

  4. fiz o comentário na foto errada, rs. estava lendo outro dos seus textos. embora esse texto seja lindo. eu tenho minha felicidade, e espero que encontre a sua. mas acredito que ela esteja no seu coração.

    otimo blog

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s